O Museu que já ia faltando…

3 02 2009

 

Entrar no Museu da Poesia e deixar-se ficar a ouvir um poema de Eugénio de Andrade, Fernando Pessoa ou António Aleixo… compensa o facto de não haver ainda um espaço físico com esse nome. Pela via virtual, ali podemos conhecer a agenda dos Serviços Educativos para recitais de poesia… enviar poemas… Dêem uma espreitadela!

Advertisements

Acções

Information

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: